Archive for 2011/07/26


Fat Dragon relança E-Z TILES: Dungeons 1

A Fat Dragon Games lançou uma nova edição revista do seu sistema de terrenos de jogo, começando pelo E-Z Tiles: Dungeons 1.

Uma imagem

Hamburgum - foto por Brainst0rm

Hamburgum - foto por Brainst0rm

O quinto jogo em caixa grande do autor Uwe Rosenberg, depois do Agricola, Le Havre, At The Gates of Loyang e Merkator, vai ver a luz do dia na feira de Essen 2011, publicado pela Lookout Games em Alemão e pela Z-Man Games em Inglês, é o Ora et Labora, sendo um dos jogos mais esperados da próxima Essen.
Desta vez os jogadores passam ao papel de priores de um mosteiro com o objectivo de criar uma infraestructura capaz de criar iluminuras, livros, cerâmica, berloques e peças de pechibeque, de forma a ganhar o máximo de pontos possiveis. Indo buscar algumas das mecânicas presente no Le Havre, este Ora et Labora vai integrar a mecânica do rondel com o habitual tabuleiro individual onde os jogadores vão construindo e enchendo o seu mosteiro e os espaços circundantes.

Novas bases de pedra

A Scibor’s Monstrous Miniatures refez os moldes das suas bases de pedra.

Infographs v1.82

As  novas espécies de peixes. Continuar a ler

A Victory Point Games é uma empresa americana que publica muitos jogos, na sua maioria wargames, com uma qualidade de produção quase caseira, com preços muito acessíveis, e sempre com uma componente forte de “lição” sobre a batalha/guerra/evento em questão. É muito conhecida principalmente pela variedade de wargames a solo que oferece.

Pois bem, anunciaram recentemente que se vão juntar na perseguição pela galinha dos ovos de ouro que são as implementações em iOS, e tencionam lançar já pelo final do ano o jogo Loot and Scoot , versão iphone/ipad.

Depois da novela Martin Wallace vs John Bohrer, eis que surge mais um processo legal tornado público, desta vez entre a Cambridge Games Factory (que publicou o Glory to Rome) e a IELLO, editora francesa que recentemente acolheu o criador do GtR, Carl Chudyk.

Ora a mesma IELLO tem na calha para este ano um jogo do Chudyk, em muito semelhante ao Glory to Rome. Só que com uma produção decente. Chamar-se-á, se for de facto lançado, Uchronia.

A CGF, que aqui há uns meses dizia que a sua “crappy artwork” se tinha tornado de certa forma imagem de marca, não achou graça à situação, e avançou para um processo de “cease and desist”. Ao mesmo tempo, decidiu tornar tudo isto público, anunciando a sua ideia no BGG, aqui.

O Kinderspiel 2011 foi apresentado ontem e o vencedor foi o jogo da autora Carmen Kleinert, publicado pela Zoch, o Da ist der Wurm drin.

%d bloggers like this: